AGUAS LINDAS – GO, Caso Ana Clara que perdeu os movimentos do corpo após tomar injeção no Hospital Bom Jesus

Caso Ana Clara que perdeu os movimentos do corpo após tomar injeção no Hospital Bom Jesus


Exclusivo. Vejam com está a adolescente que perdeu movimentos do corpo, depois tomar injeção no Hospital Bom Jesus.

Após tomar uma injeção no Hospital Bom Jesus, a jovem Ana Clara de 16 anos, agora está sem andar e falar.

Segundo a mãe Fátima Pires Carvalho ela não está recebendo ajuda por parte do Governo do Município e precisa com urgência de Fonoaudiólogo e uma Terapeuta.

Relembre o caso.
Adolescente perde os movimentos do corpo após tomar injeção no Hospital Bom Jesus


Um diagnóstico de “furúnculo no braço” que terminou em registro de boletim de ocorrências.

Adolescente perdeu os movimentos do corpo após tomar injeção de Benzetacil, no Hospital Bom Jesus.

De acordo com Fátima do Desterro Pires Carvalho, 46 anos, mãe da jovem de 16 anos, o fato ocorreu há mais ou menos dois meses, quando levou sua filha ao Hospital Bom Jesus em Águas Lindas de Goiás (Go).

Segundo relatos da mãe, afirmou ao repórter Emanuel Diniz, que sua filha estava com furúnculo no braço, então a jovem disse que na volta do colégio, ela passaria no Hospital Bom Jesus. Chegando ao hospital foi atendida por uma médica, que receitou uma injeção de Benzetacil com Decadron, logo após tomar a injeção a jovem teve uma parada cardiorrespiratória e ficou cerca de (19) dezenove dias em uma UTI.

A mãe afirma que ocorreu erro médico e houve negligência por parte do Hospital. Segundo a mãe, não está recebendo nenhum tipo de ajuda por parte do Governo Municipal e que está desempregada e mesmo assim está tendo que se virar para comprar os medicamentos para a filha.

A jovem precisa fazer fisioterapia e consultas com fonoaudiólogo, mas que o Município não tem ajudado nessa parte.

A jovem precisa de uma mini UTI em casa . Entraram em contato com Secretaria de Saúde de Águas Lindas, para informar que a adolescente dependia desta mini UTI, mas não levaram todos os equipamentos necessário para recuperação da jovem e a mãe alega que só recebeu a bala de oxigênio.

“A mãe já foi até a Prefeitura Municipal em Águas Lindas falar com prefeito, mas sem sucesso, não conseguiu falar.”

“A mãe pede para o Município assumir com todas as despesas que a filha precisa, já que o problema quem passou para ela foi o Hospital Bom Jesus.”


Fonte: TVN Águas Lindas – GO
Leia matéria completa em www.agenciasatelite.com.br

Postar um comentário

0 Comentários