Laerte Bessa será chefe do Gabinete de Segurança Institucional no governo Ibaneis

Deputado federal do DF é integrante da chamada 'bancada da bala'. Ele ficará sem mandato em 1º de janeiro.

O deputado Laerte Bessa, relator da proposta de redução da maioridade penal, fala durante sessão em plenário da Câmara dos Deputados, em Brasília — Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil

O governador eleito do Distrito Federal, Ibaneis Rocha (MDB), anunciou nesta segunda-feira (12) que o deputado federal Laerte Bessa (PR) será o chefe do Gabinete de Segurança Institucional (GSI).

O GSI, órgão hoje não existente na estrutura do governo do Distrito Federal, deve substituir a Casa Militar. Assim, o novo gabinete passará a cuidar da segurança do chefe do Executivo local.

Com 64 anos, Bessa é deputado federal e integrante da chamada "bancada da bala". Ele perde o mandato em 1º de janeiro de 2019, quando começa a gestão de Ibaneis.

Nascido em Goiânia, Bessa já foi diretor-geral da Polícia Civil do Distrito Federal por oito anos, durante o governo de Roriz.

O primeiro mandato dele como deputado federal foi entre 2007 e 2011. Na época, o parlamentar era filiado ao PSC, mesmo partido de Roriz.

Secretários confirmados
Até esta segunda-feira (12), os seguintes nomes haviam sido confirmados no primeiro escalão do governo Ibaneis:

Fazenda: André Clemente
Gabinete de Segurança Institucional: Laerte Bessa
Habitação: Mateus Oliveira
Mulher: Ericka Filippelli
Obras: Izídio Santos
Segurança pública: Anderson Torres


Fonte - Beatriz Pataro e Gabriel Luiz, TV Globo e G1 DF

Postar um comentário

0 Comentários