Novo Gama - 24 anos e só abandono e descasos para comemorar

Em pleno sábado (5/06), data em que o Município de Novo Gama completa 24 anos de emancipação, infelizmente, esse povo ordeiro que acreditou em dias melhores, NADA TEM A COMERAR, a não ser os descasos oriundos da incompetência administrativa da gestão Sônia Chaves. 

Valter Hamilton e Vital Furtado 


Como se percebe, a comunidade é obri­gada a conviver com as péssimas condi­ções de infraestrutura soma­da a um péssimo atendimen­to de serviços básicos, frutos da ineficácia do marido/se­cretário da prefeita, a saber, Marinaldo Nascimento que, a cada gestão de sua mulher, recebe o APELIDO de Secre­tário de Obras. 

A comunidade está en­frentando uma greve de professores que parece não ter fim, a cidade tem muito potencial, mas falta compe­tência à administração para tocar projetos de desenvolvi­mento que beneficiem a po­pulação. Novo Gama, com­pleta hoje (15/06), 24 anos de emancipação política. No auge de sua juventude, com muitos potenciais, com um povo trabalhador e esperan­çoso, mas infelizmente com pouco a comemorar. 

No ensejo do aniversá­rio da cidade é preciso que cada novogamense possa se questionar: por que tan­to atraso diante de tantas potencialidades que possu­ímos? Temos a natureza ao nosso favor, estamos a 35 km da capital federal do Brasil, e temos uma rica história de formação com grandes tra­ços nordestinos. 

A maioria dos prefeitos que passou por aqui reacen­deu as esperanças dos mais de 113 mil habitantes a cada pleito eleitoral, esperança esta que se transforma em revolta a cada fim de gestão, quando vê pouco ou quase nada avançar. 

Tem sido assim ao longo dos anos e, com a atual ges­tão, tem sido ainda pior. As promessas de campanha até hoje, comais de dois anos de mandato, são apenas pro­messas. 

A população não pode usufruir dos postos de Saúde devido a falta de remédio, o posto 24hr até então não tem atendido a população de ma­neira adequada, a ausência da geração de renda expul­sa os munícipes, sobretudo a juventude; O saneamento básico continua sendo um sonho para quem mora nos 39 bairros do município, e na zona rural as estradas precárias e os problemas de abastecimento persistem; O tão sonhado hospital, cujo a verba desapareceu até hoje não passa de um sonho para os moradores. 

As obras inauguradas oportunamente pela atual gestão foram iniciadas ou conveniadas pelo gestor an­terior e muitas ações da ges­tão Sônia Chaves propagan­deadas na mídia paga pela prefeitura, na verdade, são falácias. 

O que comemorar então? Não há motivos. Há, porém, confiança na população des­te município, na certeza de que Novo Gama ainda tem muito a prosperar. 

As ruas dos bairros de Novo Gama estão em esta­do de calamidade pública, a cidade está tomada por bu­racos e cratera, parece que a cidade recebeu uma chuva de meteoros, todos os Bair­ros já tradicionais na cidade como Pedregal, Boa Vista, Lago Azul, Lunabel, setor de chácaras, residencial Brasília, Residencial Negreiros, Amé­rica do Sul dentre outros. 

Os bairros ainda não pa­vimentados como, Vale das Andorinhas, Grande Vale e Residencial Negreiro estão entregues aos buracos, matos e lixo. 

Estes Bairros nos dias de estiagem é poeira durante 24 horas por dia, são os proble­mas enfrentados diariamen­te por moradores, De acordo com os moradores, muitas ruas são de terra e muitos precisam limpar a frente das casas invadidas pela sujeira diariamente. Os moradores dos bairros também recla­mam da situação precária em que se encontram as ruas, eles sofrem com os buracos e com a lama que se forma principalmente quando cho­ve. Além disso, serviços essenciais, como a coleta de lixo, também são pre­judicados. 

O que mais me chama atenção em meio a tanto des­caso com esse povo sofrido, é saber que temos uma pre­feita eleita para o seu tercei­ro mandato como gestora o que nos contabiliza 12 anos à frente da prefeitura, isso sem contar os 4 anos como vere­adora e mais quatro como deputada, o que perfazem 29 anos de poder. O que ga­nhamos com isso? Fazendo uma análise rápida da coisa, notamos que Valparaíso que inclusive tem a mesma idade e faz aniversário na mesma data, se transformou em referência em crescimento no entorno de Brasília, enquan­to nosso amado Novo Gama virou o seu quintal. 

Aí deixo a pergunta para os meus amigos leitores, o que Valparaíso tem de me­lhor que Novo Gama? Por­que Valparaíso cresceu e Novo Gama regrediu? Será que vale a pena deixa a mes­ma pessoa tanto tempo no poder? 

Com as respostas, os elei­tores da cidade!


Fonte - Valter Hamilton e Vital Furtado 

Postar um comentário

0 Comentários