Page Nav

HIDE

Últimas notícias:

latest

CAMPANHA - COMBATE A DENGUE


OBITUÁRIO - Vaticano prepara velório do Papa Bento XVI

Fotos mostram o falecido Bento XVI vestido com uma mitra, o chapéu de um bispo e um manto vermelho, deitado na capela do mosteiro onde morreu.

O falecido Papa Bento XVI é visto na capela do mosteiro 'Mater Ecclesiae', onde viveu depois de se aposentar em 28 de fevereiro de 2013 — Foto: Vatican Media via AP

O Papa Francisco rezou uma missa na Basílica de São Pedro neste domingo (1º) enquanto o corpo do Papa Bento XVI estava sendo preparado para três dias de exibição pública na mesma igreja a partir de segunda-feira (2).

Bento XVI, de 95 anos, morreu na manhã de sábado (30) no mosteiro do Vaticano onde vivia desde a aposentadoria. Ele foi o primeiro papa em 600 anos a renunciar.

O Vaticano divulgou as primeiras imagens do falecido Bento XVI, mostrando-o deitado na capela do mosteiro onde morreu. Ele estava vestido com uma mitra, o chapéu de um bispo e uma vestimenta vermelha semelhante a um manto. Um rosário foi colocado em sua mão. Atrás dele estava o altar da capela e uma árvore de Natal decorada.

O falecido Papa Bento XVI é visto na capela do mosteiro 'Mater Ecclesiae', onde viveu depois de se aposentar em 28 de fevereiro de 2013 — Foto: Vatican Media via AP

Homenagem a Bento XVI

A Basílica de São Pedro, onde Francisco presidiu uma missa de Ano Novo no meio da manhã, receberá o caixão de Bento XVI a partir de segunda-feira. Espera-se que milhares de fiéis passem pelo local durante os três dias de velório.

O Papa Francisco rezou pela passagem de seu antecessor e novamente expressou gratidão por uma vida inteira de serviço à Igreja.

"Hoje confiamos à nossa Santíssima Mãe o nosso amado Papa Emérito Bento XVI, para que o acompanhe na sua passagem deste mundo para Deus", disse Francisco.

Mais tarde, Francisco fez mais comentários sobre o pontífice aposentado quando ofereceu saudações de Ano Novo a milhares de pessoas reunidas na Praça de São Pedro.

Referindo-se a Maria, Francisco disse que "nestas horas, invocamos a sua intercessão, em particular pelo Papa Emérito Bento XVI, que, ontem de manhã, deixou este mundo".

"Vamos unir todos, com um só coração e uma só alma, dando graças a Deus pelo dom deste fiel servo do Evangelho e da Igreja", disse Francisco.

O funeral de Bento XVI será na praça de São Pedro, liderado por Francisco na manhã de quinta-feira (5). O rito será simples, disse o Vaticano, de acordo com os desejos de Bento XVI.

Nos últimos anos, Francisco saudou a impressionante decisão de Bento XVI de se tornar o primeiro papa a renunciar em 600 anos e deixou claro que consideraria tal passo como uma opção para si mesmo.

Pedido de paz

Francisco, de 86 anos, parecia cansado e sentou-se com a cabeça abaixada no início da missa do primeiro dia do ano, que tradicionalmente tem ênfase na esperança e na paz.

Atormentado por dores no joelho, o Papa chegou à basílica em uma cadeira de rodas, antes de tomar seu lugar em uma cadeira para a missa, que estava sendo celebrada pelo secretário de Estado do Vaticano.

Papa Francisco realiza uma missa no início do novo ano, na Basílica de São Pedro, no Vaticano, em 1º de janeiro de 2023 — Foto: Andrew Medichini/AP

Francisco, que repetidamente denunciou a guerra na Ucrânia e sua devastação, lembrou aqueles que são vítimas da guerra, passando as férias de fim de ano na escuridão, no frio e no medo.

"No início deste ano, precisamos de esperança, assim como a Terra precisa de chuva", disse Francisco em sua homilia.

Ao se dirigir aos fiéis na Praça de São Pedro, Francisco citou a guerra "intolerável" na Ucrânia, que começou em fevereiro do ano passado com os ataques e a invasão da Rússia, e em outros lugares do mundo.

No entanto, disse Francisco, "não percamos a esperança" de que a paz prevaleça:

"No mundo inteiro, em todos os povos, um grito está subindo, 'não à guerra, não ao rearmamento', então que recursos sejam direcionados para o desenvolvimento, saúde, alimentação, educação, trabalho", disse.

O falecido Papa Bento XVI é visto na capela do mosteiro 'Mater Ecclesiae', onde viveu depois de se aposentar em 28 de fevereiro de 2013 — Foto: Vatican Media via AP

Fonte - Associated Press

Nenhum comentário




Latest Articles