Page Nav

HIDE

Últimas notícias:

latest

Ads Place


SOB INVESTIGAÇÃO - Corpo de auxiliar de enfermagem morta após cirurgia plástica deixa o IML

O corpo da auxiliar de enfermagem Gleyciane Alves Maciel Brito deixa o IML após reconhecimento feito pelo marido© Gladyston Rodrigues/EM/D.A Press

O corpo da auxiliar de enfermagem Gleyciane Alves Maciel Brito, de 38 anos, deixou o Instituto Médico-Legal (IML) no fim da tarde desta terça-feira (25/4) e será enterrado no Cemitério Bosque da Esperança, na região Norte de Belo Horizonte. A mulher morreu na madrugada de hoje, após realizar uma cirurgia plástica no Instituto Mineiro de Obesidade (Instituto IMO).

O reconhecimento do corpo foi feito pelo marido de Gleyciane, que chegou ao IML acompanhado de um amigo. Muito abalado após o procedimento, o homem deixou o local sem falar com a imprensa.

Ela tinha dois filhos. Segundo informou o dono da funerária, o velório acontecerá no bairro Lagoinha, e o enterro, no Cemitério Bosque da Esperança, ainda sem definição de horário.

Morte anterior

Ela foi submetida a uma abdominoplastia e lipoaspiração. O quadro clínico da paciente piorou após o procedimento, e Gleyciane precisou de ser levada para o CTI, mas não resistiu e morreu.

Esta é a segunda morte registrada no centro cirúrgico, que funciona no bairro Lourdes, Região Centro-Sul da capital mineira. Em dezembro de 2021, Lidiane Aparecida Fernandes Oliveira, de 39 anos, morreu da mesma forma, por complicações por cirurgia plástica.

A Polícia Civil instaurou inquérito para apurar a causa e circunstâncias da morte de Gleyciane. O corpo da vítima foi encaminhado ao Instituto Médico-Legal Dr. André Roquette, onde foi submetido a necropsia e formal identificação.

Fonte - Portal EM/D.A Press

Nenhum comentário




Latest Articles