Page Nav

HIDE

Últimas notícias:

latest

Ads Place


PCDF muda chefias de delegacias e departamentos. Entenda as trocas

Diário Oficial do DF desta segunda-feira (13/11) detalhará alterações em delegacias, divisões especializadas e coordenações


Rafaela Felicciano/Metrópoles

O delegado-geral da Polícia Civil do Distrito Federal (PCDF), José Werick de Carvalho, promoverá mudanças na estrutura da corporação a partir de segunda-feira (13/11). Os detalhes serão publicados no Diário Oficial do Distrito Federal (DODF).

A PCDF informou que as alterações, focadas na eficiência do trabalho investigativo, incluem nomeações para posições-chave dentro da força policial.

Como antecipado pela coluna Na Mira nessa sexta-feira (10/11), alguns dos principais departamentos deverão ter trocas, além das chefias na Corregedoria-Geral de Polícia (CGP), na Divisão de Comunicação (Divicom) e no Departamento de Inteligência, Tecnologia e Gestão da Informação (DGI).

A reforma deve atingir, ainda, os departamentos de Polícia Especializada (DPE) e Circunscricional (DPC).

“São ajustes imprescindíveis para a nova gestão, representando um novo ciclo na PCDF”, afirma o diretor-geral da corporação, delegado José Werick de Carvalho.

Confira os nomes:

  • O delegado Ecimar Loli deixa a chefia da Delegacia da Criança e Adolescente (DCA I) e assume como corregedor-geral da PCDF;
  • A delegada Ivone Rosseto assume a função de corregedora-geral-adjunta da Corregedoria-Geral da PCDF;
  • O delegado Gilberto Gomes Rocha assume a Divisão de Investigação da CGP;
  • O delegado Lúcio Valente assume a Divicom;
  • O delegado Gilberto Maranhão assume a chefia da DCA I;
  • A delegada Waleska Romcy assume como delegada-chefe-adjunta da DCA I;
  • O delegado Alexandre Ribeiro deixa a chefia da Divisão de Investigação da Corregedoria e assume como diretor-adjunto da Coordenação de Repressão a Homicídios e de Proteção a Pessoa (CHPP);
  • O delegado Paulo Francisco deixa Divisão de Repressão a Drogas da Coordenação de Repressão às Drogas (Cord) e assume a Delegacia de Repressão ao Crime Organizado (Draco/Decor);
  • O delegado Gilberto Neves assume a Assessoria do DPC;
  • O delegado Fábio Santos Souza deixa a assessoria do DPC e assume a Divisão de Repressão às Drogas 3 da Cord.
As mudanças ocorreram depois da prisão preventiva, no último sábado (4/11), do ex-delegado-geral da corporação Robson Cândido, suspeito de usar a estrutura da PCDF para monitorar uma suposta ex-amante.

Em nota divulgada no início desta semana, a Polícia Civil informou que as alterações “marcam o início de uma nova gestão, evidenciando o compromisso da instituição com a promoção da presença feminina em cargos de liderança”.

A corporação havia anunciado que Isabel Dávila Lopes Borges de Moraes assumiria a Diretoria da Divisão de Repressão aos Crimes contra a Propriedade Imaterial (DRCPIM), da Coordenação de Repressão aos Crimes Contra o Consumidor, a Propriedade Imaterial e a Fraudes (Corf).

Além disso, Adriana Romana assumirá a 19ª Delegacia de Polícia (P Norte), no lugar do delegado Thiago Peralva, também investigado e afastado das funções por suposto envolvimento no escândalo de monitoramento ilegal.

A nota da PCDF também destacou que “as nomeações reforçam a política de valorização das mulheres, consolidando seu papel fundamental na Polícia Civil do Distrito Federal”.

Nenhum comentário




Latest Articles