Page Nav

HIDE

Últimas notícias:

latest

CAMPANHA - COMBATE A DENGUE


Operação DF Livre de Carcaças remove carros na Papuda e no Guará

Operação DF Livre de Carcaças remove carros na Papuda e no Guará

Foram retirados de circulação dois caminhões, três ônibus e 65 estruturas de carros velhos que estavam abandonados

A Operação DF Livre de Carcaças foi realizada no Complexo Penitenciário da Papuda nesta quarta-feira (10) e no Guará no dia anterior. No total, foram retirados de circulação dois caminhões, três ônibus e 65 estruturas de carros velhos que estavam abandonados.

Após solicitação da Secretaria de Administração Penitenciária (Seape), as equipes, coordenadas pela Secretaria de Segurança Pública do DF (SSP-DF), estiveram na Papuda e retiraram dois caminhões e três ônibus que estavam sem condições de uso e estacionados ali há mais de 15 anos.

A ação DF Livre de Carcaças, além de retirar carros velhos das ruas, entra no combate à dengue | Edição: Divulgação/SSP-DF

“Trazer esta operação para o sistema penitenciário tem uma simbologia muito grande e mostra a atuação conjunta e a integralidade que tem guiado a segurança pública, por meio do programa DF Mais Seguro. Essas carcaças estão aqui há anos e a retirada mostra que o governador Ibaneis (Rocha) tem feito um trabalho no sentido de utilizar toda a estrutura do governo para combater desordens e reduzir os casos de dengue no DF”, ressaltou o secretário de Segurança Pública, Sandro Avelar. “Agradeço a todos os órgãos participantes, em especial ao DER-DF, que possibilitou a retirada de veículos mais complicados de serem retirados, devido ao tamanho”, completa.

O secretário de Administração Penitenciária, Wenderson Teles, lembra que “as carcaças estão aqui nessa região há um bom tempo causando um desconforto para custodiados e servidores, além de servir de foco para o mosquito da dengue. Com essa ação integrada à SSP-DF e ao DER para retirar estas carcaças, nós damos um passo a mais nas ações de combate à dengue dentro do sistema prisional.”

“Os números baixos de casos de dengue aqui no complexo da Papuda ratificam a afirmação de que as ações da Seape e dos policiais penais estão no rumo certo”

Wenderson Teles, secretário de Administração Penitenciária

De acordo com Teles, o número de casos confirmados de dengue não é elevado. “Os números baixos de casos de dengue aqui no complexo da Papuda ratificam a afirmação de que as ações da Seape e dos policiais penais estão no rumo certo. Portanto, a Seape continuará trabalhando neste sentido. A diretriz do governo Ibaneis é intensificar o combate aos casos de dengue em toda a capital”, destacou o secretário.

Carros velhos
Na terça-feira (9), a DF Livre de Carcaças, esteve no Guará, onde 65 estruturas de carros velhos foram removidas das ruas da cidade. A ação prossegue nas próximas semanas no Guará e contribui para aumento da sensação de segurança, além de intensificar o enfrentamento das doenças transmitidas pelo mosquito Aedes aegypti.

Em 12 de março, equipes da Secretaria de Segurança Pública iniciaram o trabalho de notificação dos proprietários de carcaças nas ruas do Guará | Foto: Rafael Máximo/Administração Regional do Guará

Em 12 de março, equipes da Secretaria de Segurança Pública iniciaram o trabalho de notificação dos proprietários de carcaças nas ruas do Guará. Nesse período, a situação de 32 pontos com veículos em estado de abandono foi resolvida. A operação retirou mais 33 carcaças das ruas do Guará, seja por remoção com guinchos dos órgãos do GDF ou recolhimento pelos respectivos donos.

A operação, além de recolher carros abandonados, identifica desordens como mato alto, falta de iluminação, focos de dengue, entre outros fatores que incidem diretamente na prevenção criminal, na segurança ública e na saúde da população

O administrador do Guará, Artur Nogueira, destaca que a operação é mais uma demanda atendida pela população na cidade. “A remoção de veículos abandonados é um dos principais pedidos que tenho recebido quando caminho pelo Guará e converso com a comunidade.

O reforço no combate à dengue foi um dos principais objetivos dessa operação, que mais uma vez mostra a força do trabalho integrado do GDF na nossa cidade.”

“O principal objetivo da ação não é apenas remover veículos ao depósito do Detran, mas sim conscientizar a população de que não abandone carcaças em via pública. Aqui no Guará, desde o mês de março, temos notificado proprietários e sensibilizado da importância desse trabalho com a comunidade em prol de uma cidade mais limpa e segura”, esclarece o coordenador da Operação DF Livre de Carcaças, major Luis Carlos Bedendo.

Ação contínua

O DF Livre de Carcaças é uma ação contínua de retirada de veículos abandonados por todo o DF e que acabam por causar transtornos na segurança pública e na saúde da população. Integram a DF Livre de Carcaças as administrações regionais, representantes da Polícia Militar do Distrito Federal (PMDF), Departamento de Trânsito (Detran-DF), Departamento de Estradas de Rodagem (DER-DF), Companhia Urbanizadora da Nova Capital (Novacap), Serviço de Limpeza Urbana (SLU), DF Legal e Secretaria de Saúde, por meio da Diretoria de Vigilância Ambiental (Dival).

As operações ocorrem semanalmente, seguindo um cronograma já pré-estabelecido.Nesta quinta (11), ela ocorre no Riacho Fundo II.

Como ajudar

A população também pode participar do programa denunciando e informando os locais em que se encontram veículos abandonados. As denúncias podem ser feitas pelo e-mail dflivredecarcacas@ssp.df.gov.br. No contato, é importante informar o endereço dos veículos, ponto de referência e, se possível, enviar fotos. As informações também podem ser encaminhadas por meio da Ouvidoria do GDF, pelo site Participa DF ou pelo número 162, e nas próprias administrações regionais.

*Com informações da SSP-DF e da Administração Regional do Guará


Agência Brasília* | Edição: Igor Silveira e Vinicius Nader

Nenhum comentário




Latest Articles