Joaquim Barbosa pode ser candidato a presidente em 2018 e admite conversas com alguns partidos


O tema foi introduzido na solenidade realizada no STF (Supremo Tribunal Federal), nesta quarta-feira, 07/06, onde Joaquim Barbosa teve sua foto descoberta no rol dos ex-presidentes daquela corte.

Luís Roberto Barroso, ministro responsável pelo discurso de homenagem, destacou as pesquisas e especulações que apontam Barbosa como virtual candidato a presidente da República em 2018.

Joaquim Barbosa admitiu, que há sim a possibilidade dele ser candidato a presidente em 2018, mesmo que ainda hesite muito sobre o assunto.

Ainda sem partido, Joaquim Barbosa comentou já ter feito contato com três partidos e mencionou conversas com Marina Silva do Rede Solidariedade e com o PSB.

Segundo Barbosa, ainda não houve uma proposta concisa, principalmente porque ele ainda não admitiu a possibilidade de candidatura definitivamente, portanto não tem compromisso com nenhum partido, ainda.

A três anos sem as amarras de cargos públicos, o ex-presidente da mais alta corte Brasileira se diz vigilante, atento à vida brasileira e completou “(...) a decisão de me candidatar ou não está na minha esfera de deliberação. Só que eu sou muito hesitante em relação a isso, não sei se decidirei possivelmente neste sentido”.

 A declaração de Barbosa veio em meio a críticas sobre o meio político, onde o jurista disse “Passamos por um momento tempestuoso na vida pública nacional, em que visivelmente os dois poderes que representam a soberania popular, nossos representantes eleitos, não cumprem bem o seu papel constitucional”.

 Independente dessa decisão, o ministro Barroso disse que Joaquim Barbosa ajudou a quebrar o grande paradigma “de que pessoas de bem-estar social jamais seriam presas” quando colocou personalidades importantes atrás das grades no processo do mensalão.



 Fonte - Jornal Opção do Entorno

Postar um comentário

0 Comentários