Igreja transmite em rede social momento em que pastor é baleado em culto em Mogi; assista

Imagens mostram que o homem se coloca na frente do altar no momento em que uma pregação é feita. Ele atira na direção de um dos pastores e o público entra em pânico.

Resultado de imagem para Igreja transmite em rede social momento em que pastor é baleado em culto em Mogi; assista
Homem invade igreja e atira em pastor, na Vila Santista, em Mogi das Cruzes

A igreja evangélica onde um pastor foi baleado durante o culto neste domingo (11), em Mogi das Cruzes, transmitiu ao vivo por uma rede social o momento em que o homem fez os disparos (assista acima). O pastor foi encaminhado para um hospital, onde passou por cirurgia.

O homem de 30 anos foi detido por fiéis até a chegada da polícia. Ele precisou de atendimento médico e foi levado para o Hospital Luzia de Pinho Melo e, depois, para o 1º Distrito Policial da cidade, onde ficou preso.

Homem invade igreja e atira em pastor, na Vila Santista, em Mogi das Cruzes


As imagens mostram que o atirador está com um capacete em uma mão e com a arma na outra. O homem se coloca na frente do altar, no momento em que uma pregação é feita. Ele atira na direção de um dos pastores. As pessoas que estavam no altar se abaixam e fogem. O público entra em pânico.

O homem faz vários disparos em direção a um dos pastores. Depois, ele é dominado.

A Polícia Militar foi acionada e informou inicialmente que o pastor não corre risco de morte. O G1 apura o estado de saúde dele na unidade de saúde.

A igreja fica na Avenida Lothar Waldemar Hoenne, conhecida como Perimetral.

Segundo a polícia, o homem disse, em um primeiro momento, que entrou no culto para roubar. A arma foi apreendida.

A polícia informou que o suspeito tem passagem por tráfico de drogas e não acredita na versão do suspeito. "A situação foge da característica de um roubo que o indivíduo anuncia o assalto e vai atrás de uma vítima. No crime, o autor chegou atirando na vítima e a todo momento procurava por ela para efetuar o disparo. Agora a Polícia Civil vai colher todas as informações, vai ouvir testemunhas e puxar a vida pregressa de ambos", explica o capitão da PM Alex Amaral.

A hipótese inicial é a de que o atirador tinha como único alvo o pastor, que estava sentado atrás do altar. Isso porque, no momento dos tiros, outro pastor pregava para os fiéis. As imagens do atentado foram transmitidas ao vivo pela página da igreja, que fica na Avenida Lothar Waldemar Hoenne, no Jardim Rodeio.

Depois de atirar na vítima, o suspeito tentou fugir. Ele, porém, foi imobilizado por fiéis. Policiais Militares (PMs) foram chamados e o levaram ao Hospital Luzia de Pinho Melo. O atirador ficou ferido, quando foi contido.

O suspeito aguarda a audiência de custódia que vai decidir se ele responde em liberdade ou não.


Fonte - Débora Carvalho, Bom Dia Diário

Postar um comentário

0 Comentários