Chega ao fim a maior greve de professores da história de Novo Gama

Após uma reunião que durou seis horas, a prefeita Sônia sofre derrota e a greve chega ao fim


Após três meses de greve chega ao fim a paralisação dos professores, uma guerra árdua em que a prefeita Sônia Chaves e a secretária de educação Maria da guia entram para a história como as gestoras que proporcionaram a maior greve do ensino municipal.

Foram noventa e três dias de paralisação, onde os professores que lutavam pela qualidade de ensino tiveram seus salários cortados, foram perseguidos e desrespeitados nas redes sócias pela prefeita e seus jornalistas. 

Após uma reunião que durou cerca de seis horas e com a intervenção do Ministério publico, a prefeita que perseguiu sua própria categoria, resolveu ceder e derrubar a portaria 069, uma portaria perversa de autoria da secretaria Maria da Guia que jogava o ensino publico municipal no lixo e acabava com a jornada ampliada. 

A quebra de braços entre sindicato e gestores foi pesada, mas no final, graças à luta e a união dos professores, a prefeita sofreu uma derrota e derrubou a portaria 069 que acabava com a jornada ampliada. A partir de amanhã (21) os professores retornam as salas de aula onde vão tentar organizar um cronograma para recuperar o ano letivo.

Com essa derrota, talvez a prefeita Sonia Chaves entenda que o Poder emana do povo. Parabéns aos professores de Novo Gama pela luta por um Ensino de qualidade aos alunos do Município.


Fonte - Madeirada News

Postar um comentário

0 Comentários