DISTRITO FEDERAL - Sobe de dois para quatro número de casos do coronavírus na PCDF

A corporação, no entanto, ainda não informou quantos casos ainda são considerados suspeitos

Secretário de Segurança Pública entrega termômetros à PCDF

Os casos de policiais civis do DF contaminados com o novo coronavírus aumentaram. Passou de dois para quatro casos com o diagnostico positivo para a doença. A corporação, no entanto, ainda não informou quantos casos ainda são considerados suspeitos.

No dia 11 de abril, a coluna Grande Angular, do Metrópoles, havia confirmado que havia dois infectados na corporação.

O Corpo de Bombeiros soma dois casos confirmados e 16 suspeitos. A Polícia Militar do DF também confirmou, nesta segunda-feira (20/04), que três militares estão com a Covid-19.

Outros quatro se recuperaram, 1o casos são tratados como suspeitos e há o registro de um óbito. Trata-se do sargento Romildo Pereira, 50 anos.

O militar morreu no dia 2 de abril. Pereira estava internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Maria Auxiliadora, no Gama, desde 26 de março. O praça deu entrada na unidade de saúde apresentando febre e insuficiência respiratória.

Policiais civis, militares e bombeiros diagnosticados ou que apresentam sintomas estão sendo afastados do trabalho. Eles ficam de quarentena em casa.

Testes rápidos

A Secretaria de Saúde está priorizando os profissionais de saúde e de segurança na testagem rápida que começou na última semana. Oito mil funcionários públicos das duas áreas vão passar pelos exames na primeira etapa.

A partir do teste rápido, será possível detectar os infectados e adotar as medidas necessárias para preservar a saúde dos servidores, de suas famílias e da população em geral, segundo a pasta.

Na última quarta-feira (15/04), os policiais militares do Distrito Federal passaram a contar com um atendimento diferenciado em relação ao novo coronavírus. Aqueles que apresentarem sintomas da Covid-19 estão seguindo para o estacionamento do centro médico da corporação, no Setor Policial Sul, onde passaram pelo “Drive Thru Covid”. No local, serão feitos testes rápidos para constatar se os militares estão com a doença.


Fonte - Metrópoles

Postar um comentário

0 Comentários