Page Nav

HIDE


Últimas notícias:

latest

CAMPANHA - COMBATE A DENGUE


AFASTAMENTO - MDB-DF “respeita”, mas “discorda” da decisão de Moraes que afastou Ibaneis

Em nota, o MDB-DF reiterou que espera que a ordem democrática seja reestabelecida com o "retorno imediato" de Ibaneis ao cargo

Reprodução

Em nota, a Comissão Estadual do Movimento Democrático Brasileiro do Distrito Federal (MDB-DF) repudiou “veementemente” os atos antidemocráticos que ocorreram, nesse domingo (8/1), contra as sedes dos Três Poderes da República, mas discordou da decisão do ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Alexandre de Moraes, que determinou o afastamento de Ibaneis Rocha (MDB) do cargo de governador por 90 dias.

“Todavia, ousamos discordar, por considerar que tal decisão representa uma intervenção contra a autonomia política e administrativa do Distrito Federal, sem a devida apuração dos fatos. Essa decisão, contraria, também, a vontade da população do Distrito Federal, pacifica e ordeira, que reelegeu legitimamente, em primeiro turno, o Governador Ibaneis Rocha, significando a aprovação de seu Governo, de seu trabalho, de sua conduta”, destacaram.

No texto, o MDB-DF reiterou que espera que a ordem democrática seja reestabelecida com o “retorno imediato” de Ibaneis ao cargo e apuração rigorosa dos fatos, com “punição dos culpados”. Em nota divulgada nesta segunda (9), Ibaneis disse que respeita a decisão de Moraes e reitera a “fé na Justiça e nas instituições democráticas”.

O atual presidente do partido no DF é o ex-distrital e atual deputado federal Rafael Prudente (MDB).

Fonte - Metrópoles

Nenhum comentário




Latest Articles