Page Nav

HIDE

Últimas notícias:

latest

CAMPANHA - COMBATE A DENGUE


Vídeo mostra momento em que turista brasileiro cai do terraço de vinícola na Argentina

Vítima de 43 anos está internada desde domingo após sofrer grave traumatismo cranioencefálico e ter costelas fraturadas; caso aconteceu durante uma degustação

Por La Nacion — Buenos Aires

Vídeo mostra momento em que turista brasileiro cai do terraço de vinícola na Argentina —
 Foto: Reprodução

O homem, vestido com casaco preto, jeans e tênis, aprecia a vista de um terraço da vinícola. Ele imediatamente decide ultrapassar o limite daquele local e tenta ficar em pé em uma parede que sai perpendicularmente. Mas assim que põe os pés naquele muro, que é muito estreito, ele perde a estabilidade e cai cerca de cinco metros no chão. Isso pode ser visto no vídeo filmado pelas câmeras de segurança da vinícola de Mendoza onde ocorreu o evento, que La Nacion acessou junto a fontes judiciais.

A vítima é um turista brasileiro de 43 anos, identificado como Antonio Álvez, que sofreu um acidente no sábado enquanto fazia uma degustação de vinhos na renomada vinícola Catena Zapata, localizada na rua Cobos, no departamento de Mendoza, em Luján de Cuyo. O turista caiu no chão com violência e perdeu a consciência instantaneamente.


Imediatamente, o homem foi transferido para o Hospital Central, localizado na capital Mendoza, onde foi internado na unidade de terapia intensiva, conforme informou ontem o Ministério de Segurança daquela província.

A princípio, os médicos haviam indicado que a vítima apresentava traumatismo cranioencefálico por queda de altura, com formação de coágulo sanguíneo e fratura de costelas.


O último relatório médico divulgado informa que o paciente permanece internado numa sala comum “devido a politraumatismo resultante de queda de altura com múltiplas fraturas craniofaciais”. Depois confirma que está “hemodinamicamente estável, sem necessidades de oxigênio”, mas que continua sob acompanhamento multidisciplinar e que a sua “evolução” é esperada.

“O paciente está estável, com avaliações multidisciplinares. A odontologia viu, a oftalmologia viu, a neurocirurgia está acompanhando, mas não tem conduta cirúrgica. Ele tem fraturas faciais por causa do golpe, mas não muito mais. Ele está lúcido, estável e ainda está na sala comunal. Presumimos que será avaliado por mais um ou dois dias e, caso não tenha necessidade cirúrgica, terá alta”, informaram fontes do Hospital Central ao La Nacion.

Fontes judiciais confirmaram ao La Nacion que o acidente ocorreu na vinícola e não no restaurante, e que o caso já foi arquivado pois foi constatado que o turista “cai sozinho”. Desde o início, da Segurança, indicaram a este jornal que se tratou de uma queda acidental, embora a Justiça tenha tido intervenção para que pudesse determinar com segurança o que tinha acontecido. Ontem, no local do acidente, a Polícia Científica trabalhou em conjunto com pessoal de investigação e policiais da região de Luján.

La Nacion conversou ontem com fontes de Catena Zapata para obter mais detalhes sobre o incidente . A vinícola enviou uma nota: “Por uma questão de privacidade turística, não vamos dar detalhes”. Esclareceram também que câmeras de segurança instaladas no local estavam sendo examinadas para reconstituir a sequência do ocorrido.

Nenhum comentário




Latest Articles