Page Nav

HIDE

Últimas notícias:

latest

CAMPANHA - COMBATE A DENGUE


“Não podemos esquecer a desgraça do governo do PT e Rollemberg”, diz Ibaneis

O governador Ibaneis Rocha disse que investiu quase R$ 50 bilhões na saúde no período de cinco anos


Breno Esaki/Metrópoles (@brenoesakifoto)

O governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha (MDB), deixou a postura de defesa e partiu para o ataque após críticas à gestão da saúde. Ibaneis afirmou que investiu R$ 50 bilhões na área e chamou os governos anteriores, de Agnelo Queiroz (PT) e de Rodrigo Rollemberg (PSB), de “incompetentes” e “desgraça”.

Ex-governador do DF Agnelo Queiroz (PT) FELIPE MENEZES/METRÓPOLES

Ex-governador do DF Rodrigo Rollemberg Foto: Rafaela Felicciano/Metrópoles

Em meio às discussões sobre o pedido de instalação da CPI da Saúde, que perdeu força na Câmara Legislativa do Distrito Federal (CLDF) após votação nesta terça-feira (4/6), Ibaneis afirmou que os opositores “esquecem o tamanho da incompetência dessas duas administrações”. As declarações foram dadas durante agendas em Taguatinga, nesta terça-feira (4/6).

“A gente vem tirando o atraso dos governos que passaram por aí. Nós não podemos esquecer a desgraça que foi o governo do PT e a desgraça que foi o governo do Rollemberg. Tem hora que parece que eles esquecem o tamanho da incompetência dessas duas administrações. E nós não podemos esquecer isso. Nós já investimos, ao longo desses últimos cinco anos, quase R$ 50 bilhões para melhorar a saúde do Distrito Federal. E estamos trabalhando cada vez mais”, afirmou o governador.

Ibaneis citou que enviou à CLDF, nesta terça-feira, projeto de lei para contratação de mais médicos. Nesta terça-feira, o GDF nomeou 146 médicos, 20 enfermeiros e 21 técnicos de enfermagem. Em abril deste ano, foram contratados mais 461 médicos – 240 efetivos, 21 substituindo candidatos que não se apresentaram no chamamento público e 200 temporários.

O governador prometeu lançar, em breve, a licitação do Hospital de São Sebastião. Ibaneis alfinetou, sem citar nomes, um parlamentar do PT que teria questionado a necessidade da construção do hospital e afirmou que “esses incompetentes não vão voltar mais ao Governo do Distrito Federal”.

“Um deputado do PT teve coragem de perguntar na Câmara Legislativa: ‘Para quê construir o hospital?’ E é por isso que demorou 16 anos, passou o governo do PT e do PSB, e não foi construída uma unidade hospitalar na nossa cidade. Agora, nós vamos fazer quatro, para poder atender nossa população cada vez melhor. Isso tem que ser dito e tem que ser repetido por todos vocês. Esses incompetentes não vão voltar mais ao Governo do Distrito Federal”, declarou.
CPI da Saúde

A Câmara Legislativa do Distrito Federal (CLDF) publicou, nessa segunda-feira (3/6), o requerimento para criação da CPI de Fraudes ao ICMS e da CPI de Combate à Violência contra a Mulher.

Nenhum comentário




Latest Articles