Polícia investiga duas clínicas do DF por fraude em exames de sangue

Laboratórios cobravam menos, não enviavam amostras para análise e emitiam laudos falsos; dono foi preso por estelionato. Pelo menos 34 clientes foram lesados em Samambaia e no Recanto das Emas.

Por G1 DF

Resultado de imagem para Polícia investiga duas clínicas do DF por fraude em exames de sangue
Clínicas são investigadas por fraude em exames de sangue

A Polícia Civil do Distrito Federal prendeu, nesta quarta-feira (1º), o dono de duas clínicas investigadas por fraudes em exames de sangue. Segundo a apuração, os laboratórios cobravam preço mais baixo, mas não chegavam a analisar as amostras e emitiam laudos falsos.

Pelo menos 34 pacientes foram lesados nas duas unidades da Clínica do Povo, em Samambaia e no Recanto das Emas. O dono dos estabelecimentos, de 27 anos, foi detido e deve responder por estelionato.

PCDF/Divulgação

De acordo com as investigações, os resultados dos exames de sangue sempre indicavam que "estava tudo bem", com taxas dentro dos valores esperados. Isso acontecia mesmo que o paciente estivesse doente, porque as amostras não eram enviadas para análise.


Além de prender o dono, a Polícia Civil apreendeu documentos para investigar a participação de outros suspeitos, além da possível existência de mais pacientes lesados. "Existe a probabilidade de que esse número aumente, chegando a centenas de vítimas", diz o delegado da 32ª DP, Joás Borges, em material divulgado pela polícia.


Fonte - G1/Distrito Federal

Postar um comentário

0 Comentários