ANALC encerra 2018 com ações positivas


Presidente encerra o ano satisfeito com os trabalhos realizados em prol da sociedade e espera bastante trabalho em 2018

A Associação Nacional dos Líderes Comunitários do Brasil, encerra o ano de 2018 com ações positivas em prol da luta pela valorização das lideranças comunitárias do Distrito Federal e demais cidades brasileiras.
Além das atividades locais, aonde participou de palestras, seminários e demais homenagens, a entidade foi representada pelo seu presidente Ilço Firmino Neto em várias cidades brasileiras, aonde foram discutidas propostas para a valorização das lideranças comunitárias. Entre as cidades visitadas, está Santa Maria da vitória no estado da Bahia, local visitado recentemente.
Além da preocupação social, a ANALC tem em comum com as demais associações nacionais o reconhecimento por ser uma das mais conceituadas associações em defesa das lideranças comunitárias país a fora. Criada há 6 anos, a iniciativa reconhece o trabalho desenvolvido por cidadãos que se preocupam com os problemas enfrentados pelas comunidades que representam.
Segundo Firmino, lideranças não se resume somente em pessoas simples e sim todos aqueles que representam a sociedade em vários aspectos, sejam por pessoas simples até aqueles que ocupam cargos públicos, são denominados líderes comunitários. Assim, cobra maior participação e interação entre as várias lideranças. “Precisamos da harmonia entre os governantes, deputados e representantes da comunidade para equilibrar a qualidade de vida dos moradores de todas as cidades satélites do Distrito Federal, pois todos nós representamos de alguma forma essas comunidades, com demandas e busca de soluções por parte dos governantes”, afirmou Ilço, destacando que o objetivo da ANALC é promover uma integração entre todos aqueles que representam a sociedade.
O presidente, agradeceu em nome da entidade ao empenho de todos aqueles que promoveram o bem-estar da comunidade, lutando para que suas demandas fossem resolvidas. “Todos nós, que recebemos essa missão, exercemos liderança de forma natural, pela influência em cada comunidade. Conhecemos a dificuldade da nossa gente e vamos sempre atuar em busca da evolução de nossas cidades. Assim, agradecemos pelo empenho e dedicação e vamos continuar a nossa luta, pois, em 2018 as demandas continuam e necessitam de especial atenção para sua solução”, finalizou.


Fonte - Agência Satélite

Postar um comentário

0 Comentários