Hugo entrega gestão com popularidade em alta

Em tempos de crise econômica, aonde o governo do Distrito Federal passou quase três anos para colocar as contas em dia e somente após poder começar a investir em infraestrutura, que, em algumas cidades satélites, virou “artigo de luxo”, Santa Maria mostrou o contrário e devido a competência administrativa do gestor local Hugo Gutemberg, a crise parece não ter chegado na cidade e os trabalhos transcorreram na mais absoluta normalidade. 

Vale destacar que apesar dos poucos investimentos, Hugo conseguiu administrar os problemas enfrentados pelos moradores e de que quebra, através de recursos do PAC, bem como emendas de deputados distritais, transformou a cidade em um verdadeiro canteiro de obras, além de manter os serviços essenciais em funcionamento. Essa ação, que é nada mais é do que uma obrigação dos gestores públicos, é uma das explicações para o alto índice de aprovação de Hugo entre a população, ao chegar ao final da gestão, que se encerram nos próximos 30 dias. 

Quem atesta essa aprovação, em tempos de descrédito nos políticos e na política, é a população da cidade que em ocasiões diferenciadas promoveu manifestos pela permanência do administrador no comando do executivo local. Agora ao final da sua gestão, grupos de moradores e lideranças dos mais variados segmentos, além de empresários, entre outros, ensaiam pela segunda vez o já conhecido “fica Hugo”. Todavia, explica o gestor, a sua permanência no comando administrativo da cidade é quase impossível, devido ao cargo ser ocupado por indicação. “Não acredito ser possível permanecer à frente da Administração Regional, sendo que a troca do comando é uma ação natural sempre que há também, a troca de governo. Fiz parte da gestão Rollemberg e agora é hora de passar o bastão para outra pessoa”. 

Hugo afirma que, apesar de entregar o posto de número 1 da cidade, ele continuará fazendo parte do quadro de funcionários da administração local uma vez que é funcionário de carreira. “Várias coisas me ligam a cidade e me impedem de afastar daqui, entre elas o fato de ser morador e ter sido criado pelas ruas de Santa Maria, bem como, de ser servidor de carreira lotado na Administração Regional. Assim, mesmo que eu deixe de ser o Administrador, ainda continuarei a trabalhar pela cidade”, explica. 

Durante o tempo em que esteve à frente da administração local, aproximadamente dois anos e meio, Hugo promoveu um trabalho técnico, voltado a solucionar os vários problemas de ordem administrativa e de infraestrutura da cidade. Ele tomou posse no dia 2 de agosto de 2016, assumindo o lugar de Nery do Brasil que ficou à frente da cidade nos primeiros 18 meses. 

De volta ao seu órgão de origem, agora como Administrador, por indicação do deputado Robério Negreiros, Hugo fez uma boa gestão, haja vista que, além de ser uma pessoa com perfil extremamente técnico, mostrou ter bom trânsito nos órgãos do atual governo e na Câmara Legislativa. Características essas, que o ajudaram na busca de recursos e bem feitorias para a cidade. Vale destacar emendas adquiridas junto ao deputado Wasny de Roure (PT), à época, parlamentar de oposição. 

Eficiência 

Não faltaram empenho e dedicação durante a gestão de Hugo na cidade, que fez uma gestão pautada na transparência e diálogo com a população e lideranças, apesar de algumas vezes, haver a necessidade de mostrar a autoridade na condução de algumas demandas e isso causou desconforto em muitas lideranças que tinha pensamentos contrários, além do desconhecimento, muitas, vezes, da burocracia na condução daquela demanda. “Mas, apesar dos percalços, conseguimos mostrar o resultado que a população esperava, além de convencer aquela liderança de que o caminho era o trilhado e não o que ele acreditava ser. Agora estamos entregando uma cidade nos trilhos”, enfatizou. 

Um dos pontos positivos mostrados pela sua gestão foi a seleção de uma equipe técnicas, formada na sua maioria por moradores da cidade, que o assessoraram de forma a solucionar as diversas demandas da população. “O nosso trabalho na cidade não teria sido o mesmo e não entregaríamos a administração com a provação que temos, se não fossem as pessoas que vieram somar ao nosso trabalho e nos ajudaram a desenvolver a cidade, seja social, cultural e infraestrutura. Essa equipe que esteve comigo durante esse tempo é que merece todo o elogio”, enfocou Hugo. 



Destaque 

O maior destaque da gestão Hugo Gutemberg foi sem dúvidas a urbanização do Residencial Nascente do Ribeirão, popularmente conhecido por Porto Rico, aonde, com os recursos do PAC – Programa de Aceleração do Crescimento, as obras puderam começar justamente no início da sua gestão. “Graças a Deus começamos e entregamos o Porto Rico ainda na nossa gestão. Isso é muito gratificante, pois acompanhamos as obras desde o primeiro piquete até o descerramento da placa que informava o final das obras. Hoje, o bairro está urbanizado e agradável de se morar. Os moradores saíram da poeira e da lama para a dignidade, morando em um bairro moderno e sociável em pouco tempo”, disse. 

Os trabalhos continuam em ritmo acelerado, mesmo no final do ano e encerramento da gestão. Durante todo o mês de dezembro, várias ações e outros trabalhos serão realizados na cidade afim de manter o funcionamento do serviço público e a entrega da gestão ao próximo gestor. “A ordem do governador Rodrigo Rollemberg é de darmos continuidade aos trabalhos iniciados e outros projetos por iniciar. A nossa meta é entregar tudo em perfeito funcionamento para a próxima gestão”, finalizou. 


Fonte - Agência Satélite

Postar um comentário

0 Comentários