BRASIL - Gilmar Mendes: “Cenas de caixões exigem forte resposta da União”

Para o ministro do STF, a situação em Manaus revela falhas na política de isolamento. Para ele, há necessidade de melhorias urgentes no SUS

Gilmar Mendes nega domiciliar a ex-presidente do TJ/BA - Migalhas ...

ministro Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal (STF), usou as redes sociais, nesta quarta-feira (22/04), para criticar a ação do governo federal frente à pandemia de coronavírus. Ele citou o caos instalado em Manaus, onde vítimas da doença estão sendo enterradas em trincheiras – valas comuns com muitos caixões lado a lado.

“As cenas de caixões sendo enterrados em valas comuns em Manaus exige (sic) forte resposta por parte do poder público, inclusive da União”, escreveu o ministro.


As cenas de caixões sendo enterrados em valas comuns em Manaus exige forte resposta por parte do poder público, inclusive da União. A situação calamitosa do Sistema de Saúde local demonstra falhas na política de isolamento e a necessidade de melhorias urgentes no SUS. 

Para Gilmar Mendes, algo precisa ser feito com urgência. “A situação calamitosa do Sistema de Saúde local demonstra falhas na política de isolamento e a necessidade de Minutos antes, em entrevista coletiva no Palácio do Planalto, o ministro-chefe da Secretaria de Governo, general Luiz Eduardo Ramos, atacou a cobertura da imprensa sobre coronavírus como muito pessimista e negativa.

“Temos pessoas muito suscetíveis a essas notícias negativas. No jornal da manhã é caixão e corpo, na hora do almoço é caixão e corpo, de noite é número de mortos, caixão e corpo“, reclamou Ramos.


Fonte - Metrópoles

Postar um comentário

0 Comentários