Carnês do IPTU 2020 começam a ser enviados; primeira parcela vence em maio

Neste ano, pagamento poderá ser feito em até quatro parcelas. A primeira vence no próximo dia 18 de maio


Os carnês para pagamento do Imposto sobre a Propriedade Predial e Territorial Urbano (IPTU) e da Taxa de Limpeza Pública (TLP) de 2020 começaram a ser enviado pela Secretaria de Economia (SEEC). O documento será entregue pelos Correios.

A primeira parcela vence no dia 18 de maio. As datas de vencimento são definidas de acordo com o número da inscrição do imóvel (dígito verificador) que consta no Cadastro Imobiliário do Distrito Federal (CI/DF). Confira a sequência:

Neste ano, os impostos poderão ser pagos em quatro parcelas. Cada uma delas tem o valor mínimo de R$ 20. Caso a soma do valor do IPTU com o da TLP seja menor que R$ 40, o pagamento deve ser feito em cota única, no mês de maio.

Caso o contribuinte faça a opção de não parcelar, terá desconto de 5% no valor ao fazer o pagamento em cota única. Para isso, não pode possuir outros débitos com a Receita do DF. O contribuinte também pode contar com o desconto do Nota Legal, caso tenha feito a indicação no período indicado, encerrado em 31 de janeiro de 2020.


Além do envio por correspondência, os boletos do IPTU/TLP podem ser emitidos no site da Secretaria de Economia e no aplicativo Economia DF, ou pagos diretamente no Banco de Brasília (BRB). Para fazer isso, basta informar o número de inscrição do imóvel.

Com a arrecadação dos impostos, o Governo do Distrito Federal pode investir em diversas áreas de acordo com o orçamento, como por exemplo na saúde, educação e segurança pública. A falta de pagamento do imposto pode levar o contribuinte a ser inscrito na Dívida Ativa e ser cobrado pela Justiça, além de ter um aumento de 10% no valor final.


Fonte - Redação Jornal de Brasília

Postar um comentário

0 Comentários