Preso por participar de racha, ex-subsecretário do DF paga fiança e é solto

Wesley Wenisgton foi detido nessa segunda-feira após se envolver um grave acidente no Noroeste. Motorista do outro carro segue internado

TV GLOBO/REPRODUÇÃO

Preso em flagrante após participar de um racha, na noite de domingo (5/7), no Noroeste, o ex-subsecretário de convênios e parcerias da Secretaria de Esportes do DF, Wesley Wenisgton Vieira dos Santos, foi solto, na manhã desta terça-feira (7/7), após pagamento de fiança. Wesley estava em uma Mercedes-Benz e disputava corrida com o motorista de um Audi, que perdeu o controle e acabou gravemente ferido. Pedro Luca Lima Gabriel, 22 anos, foi socorrido pelo Corpo de Bombeiros Militar do DF (CBMDF) e continua internado.

Morador de Águas Claras, Pedro perdeu o controle e capotou o veículo. Inconsciente, o jovem foi levado para O Hospital de Base com fratura exposta no tornozelo esquerdo, fratura na costela direita, pneumotórax e corte na cabeça. O carro era alugado.


“Carros voaram”

Em depoimento à Polícia Civil, uma testemunha deu detalhes do episódio. O homem contou que estava com a namorada passeando com o cachorro do casal, por volta das 22h, quando viu dois carros apostando corrida.

Os veículos seguiam em direção ao Setor Militar Urbano (SMU) e, em menos de um minuto, desceram a pista em alta velocidade. Devido a um desnível da via, os dois automóveis “voaram”, segundo relato da testemunha, tirando os quatro pneus do solo. Em seguida, colidiram um com o outro.

Veja o vídeo do racha:

A testemunha detalhou que, após a colisão, o Audi voltou para a pista, onde capotou ao menos três vezes, parando na grama no sentido da reserva indígena. Ao ver o acidente, o homem entregou o cachorro para a namorada e correu para prestar socorro.

O morador do Noroeste afirma que o condutor da Mercedes saiu do seu veículo andando, aparentemente sem lesões, para verificar se o motorista do outro carro, que segundo ele era seu amigo, estava bem. Como a porta do Audi estava presa, eles forçaram a ferragem e conseguiram abrir o automóvel.

Ao retirar o airbag do rosto de Pedro, a testemunha percebeu que havia muito sangue, mas que o jovem estava apenas desmaiado.

Ainda segundo relato da testemunha à PCDF, o motorista da Mercedes tentou acordar Pedro, sem sucesso. Em seguida, o Corpo de Bombeiros foi acionado. A partir daí, o condutor que não se machucou não foi mais visto.

Secretaria responde

O Metrópoles pediu posicionamento da Secretaria de Esportes. Por meio de nota, a pasta disse, inicialmente, que “aguarda a apuração dos fatos sobre o envolvimento do servidor Wesley Wenisgton Vieira dos Santos no acidente de trânsito para tomar as devidas providências”. Em seguida, o órgão enviou nova manifestação informando que Wesley Wenisgton foi nomeado na última sexta-feira (3/7), mas ainda não havia tomado posse. “O ato será tornado sem efeito até a apuração dos fatos.”

Fonte - Metrópoles

Postar um comentário

0 Comentários