Corpo de jovem morta pelo CV foi concretado e 'desovado'

Foto: Reprodução

O corpo da jovem identificada como Adriana Miranda, de 21 anos, foi encontrado nesta quinta-feira (25), em uma área de mata em Igarapé-Miri. A brutalidade do caso foi tamanha que o corpo estava concretado no chão. A vítima foi executada a tiros por homens que faziam parte do Comando Vermelho na região.

A morte da jovem foi gravada pelos criminosos.

Nas imagens, a mulher aparece sendo interrogada sobre o paradeiro de Dieliton Rodrigues, o "Didi", que aparece em uma imagem de celular identificada pela Polícia com uma arma. Após o interrogatório, a vítima foi baleada à queima-roupa

Os policiais seguem em busca dos criminosos que participaram do assassinato da jovem.

Fonte -  DiarioOnline

Postar um comentário

0 Comentários