Page Nav

HIDE

Últimas notícias:

latest

Ads Place


BARBÁRIE - Adolescente é acusada de 19 mortes no incêndio em dormitório de escola na Guiana

Reprodução

GEORGETOWN (Reuters) - Uma garota de 15 anos acusada de ter iniciado um incêndio em um dormitório escolar na Guiana na semana passada foi indiciada por 19 assassinatos nesta segunda-feira.

O incêndio matou 18 meninas, a maioria delas indígenas, e um menino de cinco anos no prédio da cidade de Mahdia, na região central da Guiana. A menina começou o incêndio após seu telefone ser confiscado, disse a polícia.

A adolescente é mantida no centro de detenção juvenil da Guiana e as acusações contra ela foram formalizadas durante uma audiência virtual no Tribunal de Justiça.

Na madrugada de 22 de maio, estudantes acordaram aos gritos e viram fogo e fumaça no banheiro do dormitório, informou a polícia em comunicado.

Quase 30 crianças foram hospitalizadas, enquanto duas meninas em estado crítico foram levadas para Nova York no sábado em busca de cuidados médicos.

As autoridades identificaram 13 vítimas por meio de testes de DNA, e restos mortais foram devolvidos às suas famílias para o funeral.

O sistema de alarme de incêndios do dormitório e os exercícios de incêndio da escola estão sendo investigados, disse a ministra da Educação da Guiana, Priya Manickchand.

(Reportagem de Kiana Wilburg)

Fonte - Portal Reuters

Nenhum comentário




Latest Articles