URGENTE - Cadáver encontrado em mata de Valparaíso, pode ser de Funcionário Público desaparecido

Segundo a perícia, o cadáver está no local há aproximadamente um mês e aparentemente o motivo da morte foi suicídio 

Mãe de Lázaro Franco relata o drama do mês sem o paradeiro do ...

A polícia civil do Estado de Goiás por meio do Grupo de Investigação de Homicídio (GIH)/Valparaíso irá investigar se o corpo encontrado pendurado em uma árvore e aparentando suicídio é de Lázaro Ramos Rosa de 29 anos, desaparecido quando saiu de casa para dar uma volta próximo de casa. 

De acordo com a perícia, somente após os exames de DNA e/ou outros necessários realizados pelo IML de Luziânia, serão capazes de identificar a real identidade da vítima. 

Atrás de servidor do DF desaparecido, grupo realiza nova busca em ...

Foi no final da tarde de hoje dessa segunda-feira (24/08), que policiais militares receberam a informação de que um corpo aparentando ser do sexo masculino estaria pendurado em uma árvore e em avançado estado de decomposição. Ao chegar no local informado, nos fundos de um shopping popular da cidade, os policiais se depararam com o corpo pendurado, com um cinto e uma camisa em torno do pescoço. Ainda de acordo com informações preliminares repassada por pelos peritos, existe a possibilidade de que o cadáver estivesse no local há meses, devido ao seu avançado estado de decomposição, bem como, ficou claro para os policiais que a cena é característica de suicídio e ainda, que o cadáver tinha pequena semelhança com o jovem desaparecido, por meio de algumas semelhanças como cabelo, blusa que ele usava quando desapareceu e alguns traços. 

A remoção do cadáver foi feita ao IML de Luziânia para procedimentos obrigatórios e em seguida, caso seja possível sua identificação, liberação para a família proceder com os trâmites legais de sepultamento. 

O jovem de 29 anos, desaparecido na cidade, foi visto pela última vez na Cidade Jardins, bairro de Valparaiso, no dia 30/06, e após o seu desaparecimento ganhou as redes sociais por meio de campanhas realizada por parentes e amigos informando do seu desaparecimento. 

Relembre o caso 

Funcionário público do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), Lázaro Ramos Rosa está desaparecido desde a manhã de 30 de junho. Ele tem histórico de ansiedade e depressão. Até abril deste ano, o servidor público morava em Águas Claras, quando terminou um relacionamento que mantinha e voltou à casa dos pais. Familiares creem que esse possa ter sido o motivo de uma nova crise depressiva.

Fonte - Agência Satélite com informações do site Radar Valparaíso

Postar um comentário

0 Comentários