Cidades Limpas passa por Santa Maria

O secretário das Cidades, Marcos Dantas, juntamente com o subsecretário de Desenvolvimento Regional e Operação nas Cidades, Manoel Alexandre, passaram a manhã do ultimo dia 5, em Santa Maria acompanhando as atividades do programa Cidades Limpas. 

A visita teve início às 8h, com um café da manhã preparado no Departamento de Obras da Administração aonde o Secretário aproveitou para ouvir algumas lideranças locais que aproveitaram a ocasião para fazerem reivindicações em vários setores, entre as quais, muitas que não eram de competência da pasta da comitiva e serviram apenas para tumultuar a visita da comitiva na cidade.

Mal estar
Durante o período que esteve ouvindo algumas lideranças, foi notória a indigestão causada por algumas lideranças aos visitantes, tendo em vista suas investidas em assuntos que não faziam parte da programação, das quais, uma discussão entre duas lideranças por questão de tempo de fala, aonde um presidente de associação se sentiu constrangido ao ser informado que o seu tempo de fala era de apenas cinco minutos. Esse por sua vez, alterou o tom de voz e não aceitou a recomendação se valendo da posição que ocupa em uma associação local.

Após a recepção, o administrador Hugo Gutemberg, acompanhou os dois representantes do Executivo aos diversos pontos onde as equipes da SLU, NOVACAP, DETRAN, DFTRANS e demais órgão focaram as ações. Em meio ao trajeto percorrido, Marcos Dantas ficou surpreso com a distribuição das equipes. “Estão acontecendo ações em toda a extensão de Santa Maria e isso é muito bom, pois a comunidade vê o governo presente em todos os cantos da cidade ao mesmo tempo”, enfocou.

O programa permaneceu na cidade no período entre os dias 3 a 14 de julho e fez parte da 18ª edição do programa Cidades Limpas, articulado pela Secretaria das Cidades.

O programa desenvolveu várias ações desde o recolhimento de entulho, pintura de meio-fio, poda de árvore, roçagem de mato, fiscalização de trânsito, bloqueios, entre outros. Ainda instalou cinco paradas de ônibus que teve por objetivo promover maior segurança no trânsito e melhorar o acesso da população ao transporte público.

Para o subsecretário de Desenvolvimento Regional e Operações nas Cidades, Manoel Alexandre, o programa Cidades Limpas é uma forma eficiente de articulação e de diálogo entre os diversos órgãos do governo para levar melhorias para a população. “É uma ação que representa um novo modelo de gestão pública, de projeto pioneiro, e que merece ser ampliado”, disse.

O programa, que esteve na região até o dia 14 de julho, retirou 4,1 mil toneladas de entulho, desobstruiu 61 bocas de lobo e pintou 13,5 mil metros de meios-fios. Além disso, 3,5 mil imóveis receberam a visita da Vigilância Ambiental em Saúde e do Corpo de Bombeiros do DF, que atuam no combate ao Aedes aegypti, mosquito transmissor da dengue, da chikungunya e do zika vírus.

Desde o início da força-tarefa em Santa Maria, também foram feitas podas de árvores, e 53 toneladas de massa asfáltica foram utilizadas para tapar buracos nas vias da região.


Para prevenir incêndios florestais, são feitos aceiros na área de mata nativa destinada à implementação do Parque Ecológico de Santa Maria. A técnica de queima controlada de material orgânico serve como barreira natural contra o fogo. 


Fonte - Agência Satélite

Postar um comentário

0 Comentários